Canecas para Presente

Cachorro obeso é uma perigosa combinação que pode gerar inúmeras doenças que só se complicam ao longo do passar dos anos. O excesso de peso pode causar graves problemas nas articulações, diabetes, hipertensão, colesterol alto e muito mais. Pensando nisso, hoje vamos ensina-lo a identificar se seu cachorro está com sobrepeso ou se está obeso, assim podendo remediar a situação antes de ter problemas sérios.

Vale ressaltar que o sobrepeso é o primeiro passo em direção a obesidade, por isso é importante que você esteja sempre prestando a atenção em seu cachorro e caso perceba que ele está começando a ficar com sobrepeso, já entre com medidas para impedir a evolução do quadro para obesidade. Veja como identificar cada etapa e também como ajudar seu cão a voltar a forma ideal.

Sobrepeso

O sobrepeso é a etapa anterior a obesidade e caso você consiga diagnostica-la agora, conseguirá diminuir o peso do seu cachorro e assim evitar a obesidade e os problemas que a acompanham. Para identificar se seu cachorro está com sobrepeso é preciso observar se a base do seu rabo está engrossando ou apresentando quantia moderada de tecido entre pele e osso.

Canecas para Presente

Além disso, tente apalpar as costelas do seu cachorro. Caso tenha dificuldade e observe que elas estão cobertas por uma moderada camada de tecido adiposo, há sobrepeso. Neste caso você conseguirá ainda apalpar as estruturas ósseas, porém as extremidades dos ossos estão com uma moderada cobertura de gordura. Suas costas também apresentarão um alargamento quando vistas do alto e sua cintura será escassa ou ausente ao ver o cachorro de lado.

Leia também: Como cuidar de um cachorro desnutrido

Obeso

Obeso

Aqui você enfrentará um grave problema e é preciso que chegue rápido a esta conclusão para conseguir reverter o quadro. Cachorros obesos não mudam apenas sua aparência física como também seu comportamento. Ele permanecerá cansado por todo o dia e terá muita dificuldade em acompanhar as caminhadas diárias.

Além disso, você não conseguirá apalpar suas costelas que estarão muito bem escondidas em grossas camadas de gordura, suas extremidades ósseas também estarão cobertas por tecido adiposo, seu rabo continuara engrossado e você perceberá uma grande camada de gordura e além de tudo isso, ele não terá cintura quando visto de cima e seu ventre ficará muito avultado quando visto de lado.

Canecas para Presente

Como diminuir o peso do meu cachorro?

Caso você imagine que seu cachorro passou do estágio de ‘gordinho’ para sobrepeso ou ainda obeso, o primeiro passo é leva-lo ao veterinário e pedir ajuda para diminuir seu peso. Porém, é importante que você não deixe chegar a este ponto através de uma boa rotina de exercícios diários aliada a alimentação balanceada com ração ou alimentação orgânica receitada por veterinário. Apenas através de uma alimentação bem feita e exercícios regulares que você conseguirá diminuir o peso do seu cachorro.

Para você saber se seu cachorro está no peso ideal deve observar se consegue facilmente apalpar suas costelas, se seus ossos e extremidades conseguem ser facilmente encontradas com pouquíssima gordura na primeira camada da pele. Além disso é possível ver sua cintura lombar proporcional ao vê-lo de cima e a base do seu cachorro terá um contorno liso. Caso deseje alcançar estes resultados, apenas seu veterinário poderá ajudar com a dieta ideal que varia de acordo com o porte e necessidades do seu cachorro. Também precisará de muito exercício físico que acompanhe o ritmo do seu cachorríneo.

Como sei que meu cachorro está obeso? 2

Importante

Existem fatores importantíssimos para evitar a obesidade e você precisa observa-los com atenção.

  • Jamais alimente-o com restos de comida
  • Não compartilhe seus alimentos como bolachas, doces e guloseimas com ele
  • Não exagere na quantidade diária de ração
  • Compre sempre ração de ótima qualidade com o equilíbrio exato de nutrientes necessários para uma vida saudável
  • Visite regularmente seu veterinário de confiança
  • Faça exercícios físicos com ele todos os dias, leve-o para caminhar e também brinque com ele em casa
  • Sempre antes de introduzir um novo alimento a dieta do seu cão, lembre-se de consultar seu veterinário para saber quanto é a quantidade ideal
  • Sempre que tiver dúvidas, questione seu veterinário

Lembre-se sempre que quem alimenta seu cachorro é você, logo se ele estiver acima do peso o único culpado é o hábito alimentar que você está trazendo e oferecendo. O melhor tratamento é a prevenção, por isso esteja sempre de olho no que seu cachorro come e dê apenas o necessário para que ele viva uma vida longa e feliz. Doenças como diabetes, hipertensão e colesterol alto são realmente preocupantes e é muito melhor que seu cachorro não as tenha do que você precise trata-las durante a velhice.

Você sabia dessas informações? Comente!