O bearded collie é um cachorro inglês adorável e bem humorado que realmente merece nossa atenção. Isso porque ele á uma antiga raça que trabalhava como pastor na Grã-Bretanha e que hoje ganhou espaço nos lares de todo o mundo. Vamos conhece-lo?

Origem

Sua história começa há tanto tempo que infelizmente não existem registros precisos. Apenas sabe-se que são descendentes de cães pastores da Polônia que foram trazidos para as Ilhas Britânicas por comerciantes poloneses. Talvez eles também tenham como ancestral o komondor sendo originado através de cruzas entre pastores. Porém, independente de sua origem, o que se sabe é que o bearded collie foi utilizado durante muitos séculos com a função de cuidar e orientar rebanhos em toda a Grã-Bretanha e são inclusive utilizados até hoje nesta função.

Leia também: Pastor Australiano: Saiba mais sobre esta raça de cachorro

Bearded Collie

Durante os anos 40 G. Olive Wilson começou sua própria criação de bearded collie a partir de um único casal, Bailey e Jeannie. Este foi o ponto crítico da raça já que seus descendentes foram os principais fundadores da raça como hoje conhecemos, sendo ela muito apreciada tanto como animal de estimação como cão de exposição.

Personalidade do Bearded Collie

Este é um cachorro cheio de energia que adora uma vida pró-ativa cheia de aventuras e estimulos mentais e físicos. Eles são extremamente ativos e precisam de muito exercício, por isso precisam de uma família bastante ativa que goste de caminhadas e corridas, trilhas e hábitos aventureiros. É muito importante que famílias mais acomodadas e sedentárias não o adotem.

Quanto a seu comportamento, são cachorros muito sociáveis quando devidamente educados, se dando muito bem com outros cães, gatos, crianças ou demais animais de estimação. Se você decidir adotar este cachorro, com certeza terá muita alegria e diversão sempre na casa já que eles adoram brincar e fazer folia. Eles também são grandes companheiros, ficando sempre ao seu lado e protegendo você e sua família.

Entretanto, apesar de ser um tanto independente, ele gosta muito de carinho e atenção, odiando ficar sozinho por muito tempo. Inclusive, sua tolerância para a solidão é muito pequena. Se bem educados, se tornam cães muito bem humorados e afáveis, com poucas excentricidades. Adoram receber amor e sabem retribuir muito bem, sendo um companheiro para toda a vida.

Cuidados e saúde

O bearded collie é um cachorro destinado a famílias ativas e que tenham bastante tempo e dedicação para ele. Devido a sua pelagem, é preciso escova-lo pelo menos três vezes por semana para evitar os nós, o ponto positivo é que ele não costuma perder muito pelo. Sobre banho, só deve ser dado quando necessário, chegando a frequência média de um a dois meses entre cada banho.

Mesmo tendo muita energia, costumam se adaptar bem tanto a casas quanto apartamentos. Isso desde que você pratique exercícios regularmente com ele, caminhando pelo menos três vezes por dia. Além disso, ele precisa viver dentro da casa, jamais ficando isolado no quintal. Isso porque é bastante carente e tem a necessidade de estar junto com a família todo o tempo. Também é importante que você pratique algum esporte com ele pelo menos três vezes por semana que seja de alto impacto. É importante que você o ensine alguns esportes interessantes para que possam praticar juntos.

Sobre sua saúde, ele possui uma boa saúde apesar de ter predisposição a diversas doenças hereditárias. Ele precisa de um acompanhamento semestral do veterinário, das vacinas periódicas e também de um bom calendário de desparasitação. Veja as doenças mais comuns desta raça: regularidade, a cada 6 meses é a periodicidade recomendada:

Displasia da anca
Epilepsia
Doenças do cólon
Pênfigo
Atrofia progressiva da retina
Estenose aórtica
Cataratas
Doença de von Willebrand

Se bem cuidado, comendo boa ração e tendo uma vida ativa, um bearded collie pode viver de 14 a 16 anos. Incrível, não é mesmo?

Bearded Collie: Saiba mais sobre esta raça de cachorro 2

Educação

É muito importante que seu processo de socialização seja realizado com responsabilidade para evitar problemas no futuro, entretanto esta é uma raça conhecida por ser muito amável e sociável por natureza. É importante que você evite reações abruptas que possam causar medo ou traumas na infância, por isso cuide sempre de todas as relações. Eles também são conhecidos por sua extrema inteligencia, aprendendo com muita facilidade comandos. É importante que você aposte nos reforços positivos para isso, assim os ensinando da melhor forma.

Eles não possuem problemas comportamentais em geral, porém é preciso que tenham uma boa rotina de exercícios para evitar a ansiedade e o tédio. Só há um ponto negativo no comportamento deste cachorro, devido a seus instintos de pastoreio é comum que eles tentem guiar crianças e outros animais. Quando este comportamento aparece, é praticamente impossível retira-lo devido ao instinto. Por isso, você precisará de atividades de pastoreio e de jogos planejados para canaliza-la.

Lindíssimo, não é mesmo? Comente!