Se você é um curioso como eu certamente já deve ter se feito esta pergunta: Qual será que é a raça de cachorro mais forte do mundo?

Porém, como diz o início, é uma matéria para curiosos. Apesar de serem fortes, cachorros não são naturalmente agressivos e jamais devem ser ensinados a agir desta forma para lutarem entre si. Estimular a violência em cães é algo brutal e extremamente cruel, cães são seres sociáveis que gostam de carinho, companhia e amor, são seres de profunda amizade. Jamais corrompa esta relação estimulando a raiva. O perigo de um cachorro não vive nele, mas sim em seu tutor. Sem mais delongas, vamos à lista!

Raça de cachorro mais forte segundo peso e tamanho

A forma corpórea de um cachorro é uma das muitas formas de medir sua força. Quanto mais pesado for um cachorro, mais forte ele é por consequência. Levando isso em consideração, a raça de cachorro mais pesada do mundo é mastim inglês, seu peso pode chegar e superar os incríveis 100 kg!

Existem algumas outras raças que também são capazes de chegar aos 100 kg como, por exemplo, o tosa japonês. Entretanto, estes são casos isolados e seu peso médio é mais baixo. Voltando ao mastim inglês, este é um cachorro forte de cabeça e mandíbula grandiosas que impressionam as pessoas que o conhecem.

Leia também: Pit Bull: 5 incríveis curiosidades sobre a raça

cachorro mais forte

Raça de cachorro mais forte segundo força da mandibula

Entretanto, de nada adianta um grande porte se sua mordida não for forte o suficiente e levando isso em consideração, existem aqui duas raças que precisam ser citadas. A primeira é o mastim e todas as suas sub-raças que possuem mordidas extremamente fortes. A segunda é o rottweiler que possui uma mandíbula e pescoço poderosos, fazendo com que sua mordida tenha uma força tremenda e é capaz de causar grandes estragos.

O cachorro mais forte do mundo

Então, se você juntar ambas as características é possível afirmar que o cachorro mais forte do mundo inteirinho é o Kangal Turco. Esta é uma raça molosso que provem de cruzamentos realizados com o mastim inglês. Eles pesam a média de 100 kg e sua cabeça e mandíbula são muito, muito grandes. Isso faz com que sua força de mordida seja imensa! Esta é uma raça bastante selvagem e trabalhou durante diversas gerações na guarda de rebanhos contra lobos e também pessoas estranhas.

Ele é conhecido por ser feroz quando realiza seu trabalho, porém muito tranquilo e familiar com sua família. É importante dizer que ele precisa ser muito bem educado e aprender desde filhote com quem ele deve e com quem não deve brigar para garantir uma convivência pacífica.

O Kangal Turco também é conhecido como pastor-da-anatólia e teve sua origem na década de 70 através de estudos realizados na região turca de Anatólia, por isso o nome. É considerado membro de uma raça de cães gigantes e também é sabido que seu adestramento é bastante difícil, sendo realizado apenas por grandes profissionais da área.

Qual a raça de cachorro mais forte do mundo? 2

Mas e o pit bull?

Aqui no blog nós já falamos sobre esta interessante raça que, ao contrário do que muitos pensam, não é tão brutal assim. Eles realmente são muito fortes e possuem corpos musculosos que chamam a atenção, além disso devido a força se forem acostumados com a violência, tendem a ser bastante agressivos e a causar estrago. Entretanto, ele não figura a lista de cachorro mais forte do mundo devido a seu porte e peso não serem tão grandes.

Outro fato importante de mencionar é que contrariando o mito, pit bull não possui uma mandíbula que trava ao morder. Na verdade, eles só possuem muita força e ao morderem, dificilmente desejam largar na sequência por se sentirem ameaçados. Apesar de sua mandíbula forte, lhe faltam características para o chamar de cachorro mais forte do mundo.

Atenção

Esta matéria não tem como objetivo ensina-lo qual é a raça mais forte do mundo para que você a escolha como treinador de violência. JAMAIS faça isso. Cães são animais sociáveis, dóceis e cheios de amor, não são máquinas de força e violência para serem utilizadas pela raça humana como armas.

Cachorros criados com este intuito sofrem muito, vivem no limiar do estresse, desenvolvem depressão e ainda causam grandes prejuízos a sociedade quando um acidente acontece. Tenha em mente que cachorros jamais serão perigosos se você não os tratar como tal. Evite acidentes, mortes, machucados e situações difíceis. Sempre trate seu cachorro com amor, respeito e muito carinho, tenha certeza de que se você fizer isso, ele irá corresponder com o dobro.

Você sabia de tudo isso? Comente!