Às vezes é necessário mudar, porém como bem sabemos cachorros são seres territoriais e que não são muito fãs de mudança de rotina. Porém, como será que os cachorros reagem a mudança de casa? É o que hoje iremos descobrir!

Para entender isso primeiro é preciso compreender que cachorros são animais de costumes e são extremamente territoriais. Ou seja, uma mudança de casa para eles representa que estão abandonado seu espaço para se aventurar em um lugar desconhecido. Toda esta novidade é capaz de causar grande estresse e nervosismo já que existem cheiros desconhecidos, sons jamais ouvidos antes e tudo isso só gera a sensação de insegurança.

Isso aumenta quando vizinhos possuem animais também, criando um espaço de tensão até que o cachorro consiga se habituar ao novo espaço e entender que ali é seu novo território. Ou seja, é preciso saber que ao mudar de casa existe uma grande mudança na mente do cachorro que precisa ser levada em consideração. Entretanto, a adaptação não é nenhum desafio se você estudar bastante e saber como agir em cada situação. Para isso estamos aqui!

Leia também: Conheça 4 cachorros que entraram para a história!

mudança de casa

Preparação antes da mudança de casa

Antes de pensar em efetivamente realizar a mudança e muito importante que você se prepare para isso. Esta preparação pode exigir certo tempo e você precisa estar o mais preparado possível para o grande dia. Veja as dicas à seguir:

– É importante preparar o meio de transporte que você irá utilizar até a casa nova. Ele precisa ser ventilado, confortável e ter espaço para você e para o cachorro. Caso seu cão não esteja habituado a passear em caixas de transporte, começe a fazer testes dias antes para não tornar este um momento estressante. Leve-o até o parque na caixa de transporte, vá passear com ele, dê algumas voltas de carro, tudo para que ele se adapte.

– Não se esqueça da placa de identificação como novo endereço e da atualização no microchip. Infelizmente, acidentes podem acontecer no grande dia e seu cachorro precisa estar devidamente identificado caso acabe fugindo devido ao estresse.

– Faça um check-up completo nele para saber se sua saúde está bem e evite fazer a mudança se ele estiver doente.

– Se for possível, leve-o para passear e conhecer a casa nova antes do dia da mudança para que ele já vá se familiarizando com o ambiente enquanto ainda possui a casa atual.

– Não lave almofadas, lençóis, cobertores nem caminhas as quais seu cachorro está acostumado a usar para que ele se sinta em casa mesmo em um novo ambiente.

– Mesmo que o dia da mudança seja um dia atarefado, evite deixar seu cachorro sozinho. Também não mude sua rotina, caso esteja acostumado a leva-lo para passear todos os dias as 18 horas, neste dia ele também deverá passear às 18h.

– Utilize todos os truques que você conhece para mantê-lo calmo e tranquilo. Leve seu brinquedo favorito junto no carro, esteja com ele, cante para ele, enfim. Faça o que tiver ao seu alcance para que ele fique feliz.

– Caso seja necessário mudar de veterinário, peça para que o atual lhe entregue todo o histórico clínico do seu cachorro assim como todas as informações que tiver para que o novo esteja familiarizado com seu cão.

No dia da mudança

– No grande dia, mantenha seu cachorro longe dos gritos, barulhos e caos da mudança. Caso ele esteja acostumado a ir na casa da vovó ou a ficar no parque por algum tempo, peça que alguém que ele já conhece faça isso. Deixe-o longe das furadeiras, pessoas estranhas e do vai e vem.

– Nunca esqueça de nenhum dos brinquedos favoritos.

– Já na casa, esconda petiscos em diversos pontos para que seu cachorro explore todos os cômodos e se divirta fazendo isso com seus deliciosos prêmios.

– Não o deixe sozinho na casa nova por nenhum tempo. Fique com ele em cada segundo até que se habitue ao novo ambiente. Observe-o explorar e o acompanhe para que se sinta seguro.

– Caso ele comece a marcar território com urina, lembre-se de evitar o comportamento sem utilizar-se da repreensão pois este é um comportamento normal. Ajude-o a entender que ali não é lugar para fazer xixi.

Como os cachorros reagem a mudança de casa? 2

Depois da mudança de casa

Depois da mudança as primeiras semanas são decisivas para saber se esta será uma boa adaptação. Lembre-se que você possui alguns deveres de casa a realizar para garantir esta adaptação.

– Passeie com ele pela nova vizinhança, o apresente para novos parques e espaços para correr e se divertir. Ao mesmo tempo que são pragmáticos, os cachorros gostam de uma boa novidade quando o assunto é grama e outros cachorros para brincar.

– Verifique se seu quintal não possui nenhuma rota de fuga para evitar que seu cachorro saia correndo e acabe se perdendo.

– Deixe o cachorro explorar toda a nova casa sempre que puder. Acompanhe toda essa missão e a torne divertida com brincadeiras e brinquedos espalhados por todo o canto. Quanto mais feliz seu cachorro estiver, melhor será a adaptação.

Você sabia de tudo isso? Já se mudou com seu cachorro? Conte como foi nos comentários!